A Universitá Pontifícia Salesiana (UPS) é uma Universidade de Direito Pontifício dependente da Santa Sé. Com sede em Roma, mantém centros agregados, afiliados e patrocinados em todo o mundo.

A qualidade da investigação e do estudo de professores/as e alunos/as é marcada pela paixão pela educação, num clima de forte internacionalidade e interculturalidade, com uma ação pastoral contínua e convicta.

Com suas faculdades e centros de especialização, a UPS oferece um modelo de formação integral a seus/suas alunos/as para enfrentar os desafios do mundo contemporâneo com humanidade e competência. Seu projeto estratégico e sua missão são norteados por alguns princípios básicos:

·      a importância de integrar a reflexão e ação universitária com o compromisso de melhoria da qualidade de vida e sustentabilidade;

·      a importância e eficácia dos processos deformação;

·      a referência às novas e consolidadas situações de penúria juvenil;

·      uma crescente correspondência ao mundo universitário externo e internacional;

·      curiosidade e abertura, não sem uma forte carga de capacidade crítica e analítica, para as fronteiras da inovação tecnológica e científica.

A UPS é composta por cinco Faculdades, cada qual com seus vários projetos de graduação e pós-graduação stricto sensu:

O regime de Afiliação surgiu em 1936, instituído pela então Congregação para os Seminários e os Estudos Universitários – hoje, o Dicastério para a Educação Católica. A Constituição Apostólica Sapientia Christiana (JoãoPaulo II, 1979) deu novo impulso a esse processo de descentralização da formação eclesiástica para além dos muros das universidades romanas. E, em2017, o Papa Francisco confirmou e deu novas ferramentas à implementação dessa política formativa por meio Constituição Apostólica Veritatis Gaudium.

Pelo regime de Afiliação, efetivado por decreto do Dicastério para a Educação Católica, um Instituto de Educação Superior eclesiásticos e liga a uma Universidade Pontifícia para oferta in loco de cursos (graduação, pós-graduação, extensão etc.) daquela Universidade, mediante os critérios e exigências previamente estabelecidos no convênio. A certificação canônica, oferecida ao final desses cursos, tem validade internacional e é reconhecido, sem necessidade de revalidação, por todas as faculdades e universidades eclesiásticas do mundo.

Desde 1995, o ISTA é afiliado à UPS para oferta do curso de Bacharelado Canônico em Teologia, que pode ser cursado concomitantemente ao bacharelado e à pós-graduação lato sensu em Teologia, ambos autorizados e certificados pelo MEC.

O Bacharelado em Teologia oferecido pelo ISTA foi autorizado pelo MEC em 2009. A partir de 2012, teve sua matriz curricular modificada para oferta em apenas 6 semestres. É um curso aberto a todos/as que tenham interesse pelo estudo da Teologia cristã, independente de sua pertença aos institutos religiosos ou de vida apostólica. Ao longo da história do ISTA, foram muitos os/as fieis leigos/as que se graduaram em Teologia, seja para a atuação profissional, seja para uma dedicação pastoral mais qualificada.

A formação religiosa e ministerial, porém, possui exigências próprias. A Ratio Fundamentalis Institutionum Sacerdotalis, promulgada em 2016 pela então Congregação para o Clero, estabelece as linhas gerais para a formação superior dos ministros ordenados. Em cada país, uma Ratio Nationalis assimila e incrementa essas exigências. Também as Ordens,Congregações e Institutos dispõem aquelas exigências próprias de sua formação.Para atender a essas demandas específicas, o ISTA oferece o curso deEspecialização em Teologia Presbiteral, uma pós-graduação lato sensu integralizada em dois semestres.

Juntos, o bacharelado e a pós-graduação em Teologia, além de um propedêutico de disciplinas filosóficas, abrangem com segurança as exigências do currículo eclesiástico. Assim, completado esse itinerário de oito semestres, o/a candidato/a pode se submeter ao Exame de Síntese Teológica (De Universa Teologia) e receber o grau Canônico do Bacharelado em Teologia, certificado pela UPS.